Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

Ahsfra


Rio São Francisco
Naturalmente Navegável

 

Este documentário objetiva apresentar o Rio São Francisco sob o ponto de vista da navegação e sua importância socioeconômica para integratção e desenvolvimento do país.

 

Nesse contexto se insere o trabalho da AHSFRA para adequação e manutenção da hidrovia.

 

Ver em  tamanho maior!



O rio São Francisco é totalmente navegável em 1.371 km, entre Pirapora(MG), Juazeiro(BA) e Petrolina(PE), para a profundidade de projeto de 1,5 m, quando da ocorrência do período crítico de estiagem (agosto a novembro). Sem saída para o Atlântico, o rio São Francisco tem seu aproveitamento integrado ao sistema rodo-ferroviário da região.

A partir da implantação do sistema multimodal, o escoamento da produção agrícola do oeste da Bahia, com foco na cidade de Barreiras, banhada por um dos seus principais afluentes, o rio Grande, é realizado por rodovia até a cidade de Ibotirama na margem do São Francisco, descendo o rio pelo transporte hidroviário até Juazeiro/Petrolina, e deste, por ferrovia, para o Porto de Aratú (BA).  No quilômetro 42 acima de Juazeiro/Petrolina, situa-se a barragem de Sobradinho, cuja transposição é realizada através de eclusa. A movimentação anual fica em torno de 60.000 t/a. 

Sinalização Fluvial


saiba mais

Transporte Hidroviário


saiba mais

Mapa da Hidrovia


saiba mais

Eclusa de Sobradinho

saiba mais
AHSFRA - Administração da Hidrovia do São Francisco
Telefones: 0XX38 - 3741-2989 / 3741-2555 Fax: 0XX38 - 3741-3046
End: Praça do Porto, 70 - Distrito Industrial - Pirapora - MG CEP 39270-000